Explore Time and more!

O livro que os profissionais há muito tempo desejavam, mas não conseguiam. Agora ao seu dispor para consulta, aprendizado e desenvolvimento profissional.

O livro que os profissionais há muito tempo desejavam, mas não conseguiam. Agora ao seu dispor para consulta, aprendizado e desenvolvimento profissional.

Che Guevara: A Vida em Vermelho

Che Guevara: A Vida em Vermelho

Ernesto That, Che Guevara, Ems, Popular, Best Price

Remontando a 1970, sua primeira edição, atualizada em 1977, quando a maioria dos países do continente padecia facinorosas ditaduras, este livro tornou-se um 'clássico libertário', um inventário da dependência e da vassalagem de que a América Latina tem sido vítima, desde que nela aportaram os europeus no final do século XV. No começo, espanhóis e portugueses. Depois vieram ingleses, holandeses, franceses, modernamente os norte-americanos, e o ancestral cenário permanece - a mesma submissão…

Remontando a 1970, sua primeira edição, atualizada em 1977, quando a maioria dos países do continente padecia facinorosas ditaduras, este livro tornou-se um 'clássico libertário', um inventário da dependência e da vassalagem de que a América Latina tem sido vítima, desde que nela aportaram os europeus no final do século XV. No começo, espanhóis e portugueses. Depois vieram ingleses, holandeses, franceses, modernamente os norte-americanos, e o ancestral cenário permanece - a mesma submissão…

Os Trabalhadores do Mar (1886) é considerado por muitos críticos como a verdadeira obra-prima deste autor. Na abertura da obra, Hugo escreveu: “Dedico este livro ao rochedo de hospitalidade e de liberdade, a este canto da velha Normandia onde vive o nobre e pequeno povo do mar, à Ilha de Guernesey, serena e branda, meu atual asilo, meu provável túmulo”.

Os Trabalhadores do Mar (1886) é considerado por muitos críticos como a verdadeira obra-prima deste autor. Na abertura da obra, Hugo escreveu: “Dedico este livro ao rochedo de hospitalidade e de liberdade, a este canto da velha Normandia onde vive o nobre e pequeno povo do mar, à Ilha de Guernesey, serena e branda, meu atual asilo, meu provável túmulo”.

Em Nova York, Denver, Paris e Berlim, quatro pessoas morrem em circunstâncias diferentes. Há apenas uma ligação entre elas: todas trabalhavam para o KIG, o Kingsley International Group, importante empresa de pesquisa de alta tecnologia, envolvida em estratégia militar, telecomunicações e questões ambientais. Logo percebe-se que as mortes não foram acidentais. E as viúvas de duas das vítimas, Diane e Kelly, passam a ser alvo de sucessivas tentativas de assassinato.

Em Nova York, Denver, Paris e Berlim, quatro pessoas morrem em circunstâncias diferentes. Há apenas uma ligação entre elas: todas trabalhavam para o KIG, o Kingsley International Group, importante empresa de pesquisa de alta tecnologia, envolvida em estratégia militar, telecomunicações e questões ambientais. Logo percebe-se que as mortes não foram acidentais. E as viúvas de duas das vítimas, Diane e Kelly, passam a ser alvo de sucessivas tentativas de assassinato.

Uma parábola que busca revelar verdades sobre mudança. É uma história sobre quatro personagens - dois ratos e dois humanos do mesmo tamanho dos roedores - que vivem em um labirinto em eterna procura por queijo, que os alimenta e os faz feliz. O queijo é uma metáfora daquilo que se deseja ter na vida, seja um bom emprego, um relacionamento amoroso, dinheiro, saúde ou paz espiritual. O labirinto é o local onde as pessoas procuram por isso - a empresa onde se trabalha,

Uma parábola que busca revelar verdades sobre mudança. É uma história sobre quatro personagens - dois ratos e dois humanos do mesmo tamanho dos roedores - que vivem em um labirinto em eterna procura por queijo, que os alimenta e os faz feliz. O queijo é uma metáfora daquilo que se deseja ter na vida, seja um bom emprego, um relacionamento amoroso, dinheiro, saúde ou paz espiritual. O labirinto é o local onde as pessoas procuram por isso - a empresa onde se trabalha,

Mesmo diante de uma vida extremamente difícil, há esperança. E às vezes essa esperança vem na forma de um garotinho, armado com uma trupe de marionetes - um príncipe, uma menina, um bobo da corte, um crocodilo... O avô de Mika morreu no gueto de Varsóvia, e o menino herdou não apenas o seu grande casaco, mas também um tesouro cheio de segredos. Em um bolso meio escondido, ele encontra uma cabeça de papel machê, um retalho... o príncipe. E um teatro de marionetes seria uma maneira incrível de…

Mesmo diante de uma vida extremamente difícil, há esperança. E às vezes essa esperança vem na forma de um garotinho, armado com uma trupe de marionetes - um príncipe, uma menina, um bobo da corte, um crocodilo... O avô de Mika morreu no gueto de Varsóvia, e o menino herdou não apenas o seu grande casaco, mas também um tesouro cheio de segredos. Em um bolso meio escondido, ele encontra uma cabeça de papel machê, um retalho... o príncipe. E um teatro de marionetes seria uma maneira incrível de…

2001: uma odisseia no espaço de Arthur C. Clarke

Uma Odisseia no Espaço" - Arthur C. Clarke (Ed.

Sinopse - O Diário de Jack, o Estripador - Shirley Harrison  James Maybrick é apresentado como Jack, o estripador (serial killer que apavorou Londres em 1888 - assassinando e estripando pelo menos cinco prostitutas - sem nunca ter tido a verdadeira identidade revelada).  A autora analisa fatos e disponibiliza partes do diário de Maybrick (escritos com sua própria letra e com a respectiva tradução), onde o mesmo confessa a autoria dos crimes.

O Diário de Jack, O Estripador – Shirley Harrison

Pinterest
Search